pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Fevereiro 2017

Sobre o autor

Saulo de Tarso

Saulo de Tarso

Compartilhar -

Prefeitura de Niterói cancela convênio com creche espírita

Como se não bastasse o acréscimo da violência, da favelização, da degradação das matas no entorno de bairros aprazíveis como o de São Francisco e da Boa Viagem sem nenhuma intervenção pública, a educação também entrou em retrocesso onde creches comunitárias estão tendo seus convênios com organizações não governamentais encerrados pela Prefeitura de Niterói, quando deveria multiplicar esforços na educação que tem seu retorno garantido na sociedade.

Este é o caso da Creche Meimei, em Piratininga, administrada pelo GEPAR – Grupo Espírita Paz Amor e Renovação. A creche funciona há mais de 18 anos e é conveniada com a FME – Fundação Municipal de Educação há mais de 15 anos, prestando excelentes serviços a crianças de baixa renda e em situação de risco social da beira da lagoa de Piratininga e seu entorno. Entretanto, a FME encerrou o convênio com o GEPAR em 31/12 passado, alegando a FME dispor de vagas na Rede Pública, quando sabemos que a demanda é imensa na Região.

Segundo a diretora da creche, Taís Messas, o repasse mensal da prefeitura era de R$ 43.118 mil reais. Para o seu prosseguimento, a Creche demitiu 9 de 18 funcionários e está realizando Campanha de Padrinhos, com doações mensais de R$ 40,00 conforme folheto anexo.

Todos da comunidade no entorno da Via Chico Xavier, no bairro do Cafubá lamentam o cancelamento do convênio, pois os trabalhos sociais não eram somente para as crianças matriculadas e assistidas. Vai mais além das fronteiras da ajuda material, vai ao encontro da educação sócio espiritual como apregoa a Doutrina Espírita.

O filósofo e matemático grego Pitágoras, que nasceu em 570 a.C. na ilha de Samos/ Grécia , já educava os homens quando pronunciou celebre frase “Educai as crianças e não será preciso punir os homens”. Foi através dele que surgiu no mundo antigo a primeira universidade com assentos escolares. Mais tarde criou uma espécie de teocracia – cidade extrafísica que não precisava de policiamento e legislação alguma, pois todos os seus habitantes vibravam em faixa harmônica seguindo os exemplos do grande educador e terapeuta de nossas almas – Jesus.

Sim, Pitágoras foi um dos grandes nomes da humanidade pois soube desenvolver e viver suas ideias e formulações filosóficas em um período de transição da superação da lógica mitológica para o conceito da razão.

Allan Kardec, humanista e codificador do espiritismo, homem a quem o Cristo planetário confiou a materialização do Consolador prometido (João, XIV: 15 a 17 e 26) que por excelência é o Espiritismo, também viveu para a educação não somente a social, mas sobretudo a educação moral-cristã. Assim pontuou o codificador: "A Educação é o conjunto dos hábitos adquiridos" – "Educar, portanto, é formar hábitos, e educar para o bem é formar hábitos bons".

“Jesus, no ensinamento evangélico, não exaltava os indigentes de educação ou de energia! Salientava a triste condição das almas que amontoavam, ao redor dos próprios passos, ouro e títulos convencionais no exclusivo propósito de dominação entre os homens, acabando emparedadas em pergaminhos dourados e cintilantes molduras, à maneira de cadáveres em mausoléus de alto preço”.

Allan Kardec recomendou que não aviltássemos nenhuma consciência, que não fizéssemos proselitismo. Educar espiritamente não é necessariamente educar para o espiritismo, já que é da essência da Doutrina dos Espíritos promover a evolução do homem, que é um processo pedagógico. Todo cristão verdadeiro é compromissado num processo de autoeducação. E estar em processo de auto aperfeiçoamento é requisito básico do educador.

Com base nas palavras do codificador, precisamos primeiro é banir do nosso “eu” os interesses nocivos à sociedade e a miopia espiritual que sobretudo carregam os homens públicos. Em outras palavras, citando como exemplo apenas a cidade de Niterói, onde um vereador recebe em torno de R$ 20 mil reais mensais e, as professoras demitidas das creches, em torno de R$ 2 mil reais. Com certeza, se não houver inversão nos números, o Brasil continuará com suas escolas de delinquentes e de rebeliões.

 

Notas bibliográficas:

Biblioteca virtual – Wikipédia - Pitágoras

O Livro dos Espíritos , Allan Kardec pg. 685ª

Coleção Luz de Emmanuel – Alma e Luz , página 24, psicografia Francisco C. Xavier

 

 

BOX

O GEPAR/Creche Meimei, fica localizado na Av. Doutor Francelino Barcellos - lt 5A – Cafubá-Niterói/RJ – Cep. 24350-057 (Próximo à rotula do Cafubá – Supermercado Mix)

Campanha permanente: Quanto vale dar educação e mudar a vida de centenas de crianças em vulnerabilidade social?

Podemos enviar boleto impresso ou por e-mail, e receber transferências bancárias. Ligue (21) 3741-5792 / 2619-5792

Para doações: Banco Itaú – agência 1638 – conta 20844-5 – CNPJ 39.503.966/0001-87

E-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

WhatsApp 21969233949 - www.geparpromocaointegral.org.br

 

Petição pública com mais de 1600 assinaturas: 

http://www.peticaopublica.com.br/pview.aspx?pi=voulutarpelaccmeimei

Compartilhar
Topo Cron Job Iniciado