pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Junho 2018

Sobre o autor

Marcus de Mario

Marcus de Mario

Compartilhar -

Será que a paciência tem algum limite? Você já pensou sobre isso? Muitas pessoas, depois de um “ataque de nervos”, exclamam: Paciência tem limite! Vamos analisar isso com calma através da visão espírita da vida.

Somos criados por Deus para um único destino: a perfeição. E para que possamos chegar a esse destino, Deus nos dota de potencialidades em germe que vamos desenvolvendo através das experiências e aprendizados efetuados nas existências terrenas. Segundo as informações que encontramos em O Livro dos Espíritos, trazidas pelos Espíritos Superiores através de diversos médiuns, e analisadas por Allan Kardec, todos temos, a partir do ato da criação divina, duas grandes áreas potenciais: a inteligência e o sentimento. É lógico pensar, então, que a paciência, por ser uma virtude, se encontra, como as demais, em germe, em potência, na área sentimento.

Se a paciência está conosco desde que fomos criados, e ela é passível de desenvolvimento até a perfeição, então ela não tem limite! Melhor compreendendo, podemos dizer que ela possui dois limites: um é temporário, e o outro é definitivo. O limite temporário é aquele que está de acordo com o nosso grau de aperfeiçoamento, com o desenvolvimento que já fizemos dessa virtude, então às vezes não suportamos a carga da vida e não conseguimos mantê-la em ação. Mas como vamos desenvolvendo-a paulatinamente, chegaremos ao limite máximo, definitivo, que é a perfeição, a mais completa paciência.

É importante não estacionar. Nada de dizer que chegou ao limite e não consegue mais. Toda virtude, e mais particularmente a paciência, pode ser elevada a níveis bem superiores se nos esforçarmos, se acionarmos a força de vontade. Querer ser mais paciente é muito importante.

E nada melhor que o dia a dia do lar, da família, na interação com os outros, para exercitar e desenvolver a paciência, que é irmã da calma, da compreensão e da tolerância.

Quantos males evitaríamos se tivéssemos mais paciência!

Bem, agora que você já sabe que paciência não tem limite, e que a perfeição está lhe aguardando, vamos acelerar a vivência dessa virtude tão importante para termos paz?

Compartilhar
Topo Cron Job Iniciado