pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Junho 2013
Compartilhar -
euaexplosaotexas2NINGUÉM EXPLICOU ATÉ HOJE PORQUE O MUNDO NÃO ACABOU EM 21 DE DEZEMBRO DE 2012 - O CHAMADO "FIM DO MUNDO" NA VISÃO ESPÍRITA EM OBRAS PÓSTUMAS COMPILADO POR ALLAN KARDEC – OS FALSOS PROFETAS DA INTERNET

    Recebi por e-mail mais uma mensagem de cunho terrorista apocalíptica, que fala das trágicas consequências para a humanidade com a aproximação de um suposto planeta chamado de Hercólubus.
    O leitor está lembrado que antes de 21 de dezembro de 2012 escrevi um artigo neste Jornal acerca das falsas informações na Internet sobre o fim do mundo, dando conta, inclusive, da existência de um falso website com notícias da NASA na rede, esclarecendo que as previsões a respeito do fim do mundo ou mudanças dramáticas que iriam ocorrer naquele dia 21 eram todas falsas. Tanto assim que passou aquela data e, no entanto, o nosso planeta continua a existir.
    Interessante que ninguém veio a público para justificar porque falharam as profecias que estavam previstas para ocorrer em 21 de dezembro de 2012, porque como nós mesmos podemos constatar o mundo não acabou da mesma forma que os terroristas do apocalipse, na virada do milênio em 31 de dezembro de 1999, não vieram dar explicações porque o mundo não terminou naquela data.
    Bem, como tudo isso falhou, vem novo golpe para vender livros e tirar vantagens econômicas dos incautos.

    A FALSA PROFECIA DO HERCÓLUBUS
    Agora, o nosso propósito neste artigo é desmentir também a profecia terrorista que está circulando na INTERNET, relacionada com a suposta existência do planeta Hercólubus, cuja aproximação ao nosso Sistema Solar traria como consequência grandes convulsões em todas as partes do nosso planeta. Quando Hercólubus se aproximar mais da Terra, diz a falsa profecia, é que começarão as epidemias mortíferas a expandirem-se por todo o planeta. Cita inclusive para justificar a existência de Hercólubus, o Capítulo 8, versículo 11, do Apocalipse.
    E para aterrorizar mais ainda, o autor do livro Hercólubus o Planeta Vermelho, diz que "chegará o momento da tragédia, da obscuridade: tremores, terremotos, maremotos; os seres humanos desequilibrar-se-ão mentalmente por não poderem comer nem dormir; e, vendo o perigo, ao precipício lançar-se-ão em massa, totalmente loucos".
    E o autor da obra para gerar o pânico e o medo diz: "O que afirmo neste livro é uma profecia a muito curto prazo, porque me consta o final do planeta, conheço-o. Não estou assustando, mas prevenindo, porque tenho angústia por esta pobre Humanidade, já que os fatos não se fazem esperar e não há tempo a perder em coisas ilusórias."
    Bem, diante disso, não posso deixar de lembrar as palavras de Jesus: "E naqueles tempos haverão falsos Cristos e falsos profetas". Pelo visto, Jesus tinha razão, pois eles já estão circulando pela INTERNET, falseando informações sob o manto de fenômenos astronômicos para levar o pânico e usufruir vantagens econômicas na venda de livros.

    ALLAN KARDEC EM OBRAS PÓSTUMAS
    Os editores das obras de Allan Kardec, após a sua desencarnação, receberam da viúva Amélie Boudet um acervo considerável de matérias que seriam publicadas pelo Codificador quando em vida e o que não foi possível em razão do seu falecimento. Eis, portanto, a credibilidade que merece essa obra, por se tratar de material organizado pelo próprio Kardec. Pois bem, nessa publicação vamos encontrar um rico material de informações a respeito da "Regeneração da Humanidade", com base nas comunicações recebidas em 25 de abril de 1866. Vejamos as colocações dos espíritos sobre o assunto:
    "Os acontecimentos se precipitam com rapidez, também não dizemos mais, como outrora: "Os tempos estão próximos"; dizemo-vos agora: "Os tempos são chegados".
    Por estas palavras não entendeis um novo dilúvio, nem um cataclismo, nem um transtorno geral. Convulsões parciais do globo ocorrem em todas as épocas, e se produzem ainda, porque se ligam à sua constituição, mas esses não são os sinais dos tempos".

    FIM DO MUNDO MORAL
    Vamos prosseguir ainda com mais outras considerações desse texto de Kardec sobre a "Regeneração da Humanidade", que destrói toda a suposta profecia do Planeta Hercólubus, de que haveria uma destruição do mundo físico:
    "Não credes, no entanto, no fim do mundo material; a Terra não será destruída. Mas a Humanidade chegou a um de seus períodos de transformação, e a Terra vai se elevar na hierarquia dos mundos.
    Não é, pois, o fim do mundo material que se prepara, mas o fim do mundo moral: é o velho mundo, o mundo dos preconceitos, do egoísmo, do orgulho e do fanatismo que desaba; cada dia leva-lhe alguns resíduos. Tudo acabará para ele com a geração que dele se vai, e a geração nova elevará o novo edifício no qual as gerações seguintes consolidarão e completarão.
    De mundo de expiação, a Terra está chamada a se tornar, um dia, um mundo feliz, e sua habitação será uma recompensa, em lugar de ser uma punição. O reino do bem deve nela suceder ao reino do mal".

    NÃO HAVERÁ CATACLISMOS
    Embora a profecia sobre a aproximação do Planeta Hercóbulos, informa que "no vai e vem da nossa vida tudo retorna ao seu principio ou ao seu fim, como já ocorreu que na sua anterior aproximação, Hercólubus trouxe o fim à civilização Atlante", vejamos, entretanto, o que dizem os Benfeitores Espirituais, tratando da Regeneração da Humanidade em Obras Póstumas, o que na verdade há de acontecer nesse período de transição do nosso planeta para Mundo de Regeneração:
    "A Terra, dissemos, não deve ser transformada por um cataclismo que aniquilaria subitamente uma geração. A geração atual desaparecerá, gradualmente, e a nova lhe sucederá igualmente sem que nada seja mudado na ordem natural das coisas. Tudo se passará, pois, exteriormente, como de hábito, com esta única diferença, mas essa diferença é capital, de que uma parte dos Espíritos que aí se encarnam nela não se encarnarão mais. Numa criança que nasça, em lugar de um Espírito atrasado e levado ao mal, que nela estaria encarnado, será um Espírito mais avançado e levado ao bem. Trata-se, pois, bem menos de uma nova geração corporal do que de uma nova geração de Espíritos. Assim, aqueles que esperam ver as transformações se operarem por efeitos sobrenaturais e maravilhosos, estarão decepcionados".

CONCLUSÃO
   
    A transformação da Terra em mundo de Regeneração com o surgimento da geração nova, está bem esclarecida na questão 1019 de O Livro dos Espíritos, quando Allan Kardec questiona os Benfeitores Espirituais, "se jamais poderá implantar-se na Terra o reinado do bem", recebeu a seguinte resposta do Espírito São Luis:
        "O bem reinará na Terra quando, entre os Espíritos que a vêm habitar, os bons predominarem, porque, então, fará que aí reinem o amor e a justiça, fonte do bem e da felicidade. Por meio do progresso moral e praticando as leis de Deus que o homem atrairá para a Terra os bons Espíritos e daí afastará os maus. Estes, porém, não a deixarão, senão quando daí estejam banidos o orgulho e o egoísmo.
    Predita foi a transformação da Humanidade e vos avizinhais do momento em que se dará, momento cuja chegada apressam todos os homens que auxiliam o progresso. Essa transformação se verificará por meio da encarnação de Espíritos melhores, que constituirão na Terra uma geração nova. Então, os Espíritos dos maus, que a morte vai ceifando dia a dia, e todos os que tentem deter a marcha das coisas serão daí excluídos, pois que viriam a estar deslocados entre os homens de bem, cuja felicidade perturbariam, irão para mundos novos, menos adiantados, desempenhar missões penosas, trabalhando pelo seu próprio adiantamento, ao mesmo tempo que trabalharão pelo de seus irmãos ainda mais atrasados.
    Neste banimento de Espíritos da Terra transformada, não percebeis a sublime alegoria do Paraíso perdido e, na vinda do homem para a Terra em semelhantes condições, trazendo em si o gérmen de suas paixões e os vestígios da sua interioridade primitiva, não descobris a não menos sublime alegoria do pecado original? Considerado deste ponto de vista, o pecado original se prende à natureza ainda imperfeita do homem que assim, só é responsável por si mesmo, pelas suas próprias faltas e não pelas de seus pais...".
Compartilhar
Topo Cron Job Iniciado