pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Março 2018
Compartilhar -

Um dia memorável, de muita alegria, de confraternização, de rever amigos, de fazer novos, mas acima de tudo um dia de muitíssimo aprendizado. Assim foi o domingo dia 21 de janeiro de 2017, no Centro Espírita Joanna de Ângelis - CEJA-Barra (Avenida Gilberto Amado, 311, Barra da Tijuca, Rio de Janeiro), quando a instituição comemorou seu 11º aniversário de fundação e mais uma vez com a presença de seu presidente de honra e co-fundador, Divaldo Pereira Franco.

Já pela manhã, extensa fila à entrada da instituição, com mais de 500 jovens, procedentes de diversas casas espíritas, aguardavam a abertura dos portões para o encontro com Divaldo Franco.

O encontro matutino, antecedido das boas-vindas da presidente do CEJA, Iraci Campos Noronha, e apresentação musical da jovem Juliana Granato, interpretando Edelweiss, música preferida do orador baiano, teve início com a palestra tão aguardada.

O encontro com os jovens de diversas instituições espíritas emocionou a muitos, sendo fácil perceber lágrimas em muitos adolescentes, muitos deles tendo contato pessoal com Divaldo Franco, pela primeira vez. Falando de sua experiência, como grande educador que é, Divaldo mostrou caminhos importantes e necessários ao crescimento e desenvolvimento evolutivo de cada um, comentando as armadilhas que aparecem nessa caminhada, influenciando muitos deles a terem uma vida de desesperança, levando-os a estados conflitivos e depressivos. É preciso buscar um sentido para a vida e fazê-lo através de Jesus, o maior pedagogo de todos os tempos. Ao final, Franco respondeu a diversas perguntas formuladas por muitos jovens sobre assuntos hoje muito comuns a eles, como drogas, sexo, relações com os pais, entre outros.

Após o almoço, uma nova platéia, agora com cerca de 1300 pessoas, nas diversas dependências da casa, recebidos carinhosamente por Nelson Tavares, apresentador do evento e Iraci Campos, presidente do CEJA-Barra, que saudou aos convidados, participantes e público dos mais diversos rincões de nosso planeta que assistiam pela internet, falando da ação social desenvolvida pela casa, apresentada em vídeo, e do novo projeto que vem sendo conduzido com muito amor e carinho, que é a construção do Educandário Joanna de Ângelis, na comunidade Rio das Pedras. Destacou ainda da criação do espaço Recanto Divaldo Franco, na parte superior do CEJA-Barra, local ajardinado propício a oportunas reflexões.

Em seguida, Christian Oyens, compositor e produtor musical, e a cantora Zélia Duncan interpretaram uma música especialmente composta pelos dois, para homenagear Divaldo Franco.

A seguir, Divaldo Franco começou o seminário, dividido em duas partes. Inicialmente agradeceu às homenagens recebidas, tanto da casa como dos compositores que o deixaram muito sensibilizado.

Em seguida, ministrou a primeira parte da palestra, revelando o desenvolvimento filosófico e científico ao longo da história, em busca da própria consciência, atribuindo um sentido para a vida.

Após o intervalo, o cantor Kledi também apresentou uma letra e música homenageando Divaldo Franco.

O Semeador de Estrelas, na parte final do seminário, levou o público a reflexões importantes sobre a fisiologia humana, chamando atenção para o trabalho fundamental de Danah Zohar, que chegou ao QS - Inteligência Espiritual, mostrando a existência de um terceiro tipo de inteligência até então desconhecido, além do QI-Inteligência Intelectual e do QE-Inteligência Emocional. Pesquisas recentes divulgadas por cientistas de várias partes do mundo, descobriram o que está sendo chamado "Ponto de Deus". Enfim, pouco a pouco, a Ciência tem confirmado os postulados trazidos pelos espíritos, através de Allan Kardec e por outros ensinos demonstrados na obra do Espírito André Luiz, pelo saudoso médium Francisco Cândido Xavier.

Enfim, foi um dia memorável, como escrevemos no início deste texto. Um público de cerca de 500 mil pessoas assistiu pela internet mais um grande momento de Divaldo Franco acontecido no CEJA-Barra.

         Parabéns aos dirigentes, trabalhadores, participantes por mais um grande evento produzido pela Equipe CEJA-Barra e por mais um aniversário desta casa que continua plantando sementes de Amor e Caridade, pelas comunidades da Barra da Tijuca e adjacências.

Compartilhar
Topo Cron Job Iniciado