pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Julho 2018
Compartilhar -

 

 

O dicionário nos esclarece que “responsabilidade” é a obrigação de responder pelas ações próprias ou dos outros; é o caráter ou estado do que é responsável.

Com o tema “Vida Responsável”, aconteceu no sábado, dia 19 de maio, o 13° Fórum Espírita de Juiz de Fora, na sede social do Tupi Football Club (Rua José Calil Ahouagi, 332, Centro, Juiz de Fora-MG), com o objetivo de ampliar os estudos espíritas para além das estruturas físicas dos centros espíritas da cidade. O evento gratuito contou com cerca de 550 participantes e uma bela apresentação musical do cantor Luiz Gadenall, muito aplaudido pelo público.

Nara Coelho, organizadora e idealizadora do encontro, destacou que, na atualidade, as pessoas estão precisando de maior responsabilidade em relação à vida; por isso a importância da abordagem do tema escolhido. Para tornar a discussão mais dinâmica, a questão foi dividida em temáticas, analisadas pelos oradores José Passini com o assunto "Responsabilidade na família", André Trigueiro abordando "Responsabilidade com a natureza", Andrei Moreira discursando sobre a "Responsabilidade com o corpo físico" e Raul de Barros Neto encerrando, com o tema "Responsabilidade de Espíritos". 

Segundo Nara Coelho, que concedeu entrevista à Rede Globo local, antes de começar o encontro, disse que o fórum buscava abordar assuntos práticos, dando ao participante a visão espírita do cotidiano, procurando ampliar os horizontes do pensamento. “O objetivo do Espiritismo é colaborar para que nos tornemos pessoas do bem. Melhorando o ser humano, melhoramos a comunidade a que pertencemos.

A gente percebe que as pessoas não estão agindo com responsabilidade. Desprezam a vida, brigam por coisas desnecessárias, de todos os níveis, mesmo familiares e sociais. Jesus trouxe pra nós esta responsabilidade, amando o próximo, amamos a nós mesmos, e vivemos melhores”, concluiu Nara.

Divaldo Pereira Franco, em temporada na Europa, à época, gravou mensagem em vídeo, em entrevista ao jornalista Wladimir Chaves Stefanon, falando sobre o papel de relevância dos Espíritas de Juiz de Fora no trabalho de divulgação do Espiritismo, cidade que visita há mais de 50 anos para conferências e seminários.

Os expositores, ao término de suas conferências, foram bastante ovacionados e responderam perguntas formuladas pelo público, buscando dirimir eventuais dúvidas ainda existentes.

André Trigueiro, Andrei Moreira, Iraci Campos e Luiz Gamonall propiciaram momentos de autógrafos, atendendo a todos, com muito carinho e cordialidade. 

À tarde, foi servido suculento lanche para todos os participantes. Houve, também, momento de arte com a escritora Magda Trece Ribeiro, contando histórias de personagens contidas em seus diversos livros infantis.

O 13° Fórum Espírita de Juiz de Fora foi transmitido via internet pelo Espiritismo.net, cujo sinal foi repassado à Web Rádio Fraternidade e Rede Amigo Espírita, tendo mais de 15 mil acessos, em mais de 25 países e duzentas cidades e endereços eletrônicos, onde podem ser encontrados os vídeos do evento.

Foi um grande estudo, cuidadosamente organizado por uma equipe de 40 voluntários - a quem parabenizamos - sob a coordenação de Nara Coelho, espalhando alegria e fraternidade junto a todos aqueles que se fizeram presentes e, certamente, levaram farto material para suas reflexões.

Compartilhar
Topo Cron Job Iniciado