pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Outubro 2018

Sobre o autor

Fabiano Henrique

Fabiano Henrique

Compartilhar -

A Associação Universal de Esperanto (UEA) está à procura de patrocinadores para a revista Unesko Kuriero. O periódico, que circula quatro vezes por ano, apresenta notícias e artigos sobre as atividades do órgão das Nações Unidas para a Educação e Cultura. O objetivo da campanha é garantir a produção e a expedição da revista, em suas edições eletrônica e impressa. Somente pessoas jurídicas poderão participar. Os nomes dos patrocinadores vão aparecer no expediente da revista.

 

Sucesso de encontros esperantistas desperta a atenção de organizadores de aplicativo

 

O esperanto é um sucesso no Duolinguo. A língua criada por Zamenhof é a sexta mais ativa no recém-implantado sistema de eventos presenciais do aplicativo. A Associação Universal de Esperanto (UEA) colabora na elaboração e na divulgação da agenda. Recentemente aconteceram encontros em Londres, Paris, Madri e Santos. Perto de dois milhões de pessoas já aprenderam o idioma pelo Duolinguo. De acordo com o brasileiro Emilio Cid, diretor da UEA, os organizadores do app têm uma imagem positiva da Língua Internacional Neutra e estão prontos para auxiliar na realização de reuniões culturais para os alunos.

 

Museu do Esperanto comemora dez anos com uma série de eventos

 

O Museu do Esperanto, localizado em Svitavy, na República Checa, completou dez anos de fundação. A instituição, inaugurada em 20 de setembro de 2008, possui um acervo formado por material de todo o mundo. Seu objetivo é proteger e divulgar a historia da Língua Internacional Neutra, além de servir de centro cultural para o movimento esperantista. Para comemorar o jubileu, aconteceu uma programação especial entre os dias 14 e 16 do mês passado. Os visitantes assistiram a uma exposição sobre a vida local, palestras e um show do grupo de pop-rock Noproblem.  Detalhes no site www.esperanto.cz.

 

UEA vai permanecer na Holanda

 

O escritório central da Associação Universal de Esperanto (UEA) continuará em Roterdã, na Holanda. A declaração foi feita pelo presidente da instituição, o canadense Mark Fettes, durante o último congresso internacional do idioma, em Lisboa. A questão é motivada pela crise financeira que a UEA enfrenta nos últimos anos. Fettes respondeu que a Holanda, apesar de ser um país com elevado custo de vida, é uma nação organizada, onde as leis funcionam, o que facilita a administração de uma entidade dessa natureza. O dirigente só não apontou que medidas serão adotadas para sanear as finanças da organização.

 

Novo disco de pop esperantista

 

O grupo sueco La Perdita Generacio lançou o single “La centa fojo” (A centésima vez). O formato single corresponde ao antigo “compacto simples”, disco que continha duas músicas. A faixa-título é uma homenagem ao programa de rádio Varsovia Vento. A outra música, intitulada “Ni unuighas je orbitoj”, convida o ouvinte à reflexão e à meditação. A revista El Popola Chinio avaliou positivamente o trabalho. A obra está disponível em meio eletrônico, no site www.vinilkosmo-mp3.com.

 

Universidade espanhola vai ensinar o esperanto a distância

 

A Universidade Nacional de Educação a Distância da Espanha e a Federação Espanhola de Esperanto firmaram acordo para a inclusão da Língua Internacional Neutra no Centro Universitário de Idiomas Digital e a Distância. Trata-se da maior instituição de ensino não presencial de idiomas do país. Brevemente será publicado o edital para a seleção do professor. 

 

Três países organizam congresso conjunto de esperanto

 

Entre 14 e 16 de setembro ocorreu o Congresso de Esperanto do Benelux. As atividades desenvolveram-se na cidade belga de Limburgo. A programação consistiu de passeios, shows musicais e palestras. Benelux é o bloco econômico formado por Bélgica, Países Baixos e Luxemburgo.

 

Galeria de esperantistas de destaque chega às livrarias

 

O esperantista grego Kostas Kiriakos publicou o livro “Sur la Pashoj de Doktoro Esperanto – La Posteuloj”. Trata-se de uma galeria de esperantistas de destaque, contendo 1042 nomes, de 97 países, apresentados em verbetes. Kiriakos pesquisou toda a história do movimento em prol da Língua Internacional neutra, e coletou nomes que vão desde o pioneiro Antoni Grabowski à jovem húngara Veronika Póor. De acordo com a página da Associação Grega de Esperanto no Facebook, o escritor escolheu figuras que contribuem na “construção fundamentada por Zamenhof”.

 

Um giro pelo movimento esperantista:

 

  • Jogadores da seleção esperantista aparecem em destaque na capa da edição de setembro da revista Esperanto.
  • O jornal O Sol Nascente publica mensalmente a coluna O Esperanto em Marcha.
  • A Legião da Boa Vontade divulga, em esperanto, suas atividades por meio do portal www.bonavolo.com.
  • O livro “Saluton, samideano”, de autoria de Aloísio Sartorato, está à venda na livraria da Associação Universal de Esperanto.
  • Está disponível na livraria virtual da Associação Universal de Esperanto o livro “Nia Diligenta Kolegaro”, contendo a biografia de 200 esperantistas ilustres.
  • O esperantista holandês Robert Moerbeek foi nomeado cavaleiro da Ordem de Orange-Nassau.
  • A Editora Lorenz publicou o livro “La Senditoj”, versão em esperanto de “Os Mensageiros”, do espírito André Luiz, psicografado pelo médium Chico Xavier.
  • Foi lançado na internet o site “Semajno de Enigmoj” (Semana de Enigmas), especializado em palavras-cruzadas em esperanto.
  • O músico esperantista brasileiro Rafael Milhomem lançou o CD instrumental "Flugantaj melodioj".
  • Aconteceu na China um intercâmbio entre professores de esperanto.
  • A Organização da Juventude Esperantista Brasileira realizou, entre seis e nove de setembro, mais uma edição do encontro de inverno VINA.
Compartilhar
Topo Cron Job Iniciado