pteneofrdeites
Artigo do Jornal: Jornal Junho 2018

Sobre o autor

Saulo de Tarso

Saulo de Tarso

Compartilhar -

Queridos amigos leitores, nesta edição estamos dando continuidade às publicações, em oito partes, cujo início aconteceu em maio com término previsto para dezembro, sobre duas importantes obras do codificador: A Revista Espírita, que completa 160 anos, e o livro A Gênese, que comemora 150 anos, ambos publicados sob muito senso de razão e progresso moral.

A nossa edição está repleta de artigos que abordam as duas obras acima citadas, o que nos levou a escrever sobre o título do nosso editorial.

O ínclito codificador, humanista e educador por excelência, nos deixou notáveis frases. A que utilizamos abaixo foi extraída da Revista Espírita de 1869, edição Edicel:

“Ah! quando todos os homens compreenderem tudo o que encerram as palavras
amor e caridade, na Terra não haverá mais soldados nem inimigos; só haverá
irmãos; não haverá mais olhares torvos e irritados; só haverá frontes inclinadas
para Deus!”

       Diante e distante dessa realidade centenária, podemos, com razão, analisar as distâncias que separam os homens uns dos outros, onde cada qual deseja, a qualquer custo, merecer os holofotes da sociedade, seja pelo poder, pelo orgulho ou pela ambição, cujo prêmio é ser possuidor de privilégios com acúmulo de riqueza material, totalmente contrário às virtudes do amor e da caridade, como destacou o codificador, relembrando o Evangelho de Jesus.

       A proposta espírita é apresentar o amor e a caridade como bandeiras de salvação moral, mediante avanço intelectual, na busca de iluminação espiritual. Logo, sem as virtudes mencionadas, continuamos a colher os frutos de nossas intempéries dos desequilíbrios sociomorais do nosso dia a dia.

       Pense com razão em cada ato que praticar. Analise com razão o que você fala.

       Muita paz!

Compartilhar
Topo Cron Job Iniciado