pteneofrdeites
Compartilhar -

Violência contra o Centro Espírita.

Nem mesmo o espiritismo escapou das perseguições por intolerância religiosa. Em recente ataque a uma instituição espírita o autor demonstra seu insano fanatismo ao explodir uma bomba por ser “anti-kardecista”, conforme ele próprio se define.

O local foi preservado e devidamente periciado. O autor do atentado foi preso momentos depois pela Polícia Militar, quando fazia manobras bruscas com um carro. A.F.M., 23 anos, assumiu o ato e disse ter agido daquela forma porque simplesmente não gosta de espiritismo. O rapaz expôs sua filosofia e disse ser “um instrumento de Deus”. Disse ter planejado o ataque com bomba “para livrar a humanidade de coisas ruins”.

Leia mais no Jornal Correio Espírita de Agosto/2006.

Compartilhar
Topo
Ainda não tem conta? Cadastre-se AGORA!

Entre na sua conta